Etelmo

Wikipedia open wikipedia design.

Etelmo
Arcebispo da Igreja Católica
Arcebispo da Cantuária

Título

Arcebispo
Atividade eclesiástica
Diocese Arquidiocese da Cantuária
Nomeação entre 923 e 925
Predecessor Plegemundo
Sucessor Vulfelmo
Ordenação e nomeação
Dados pessoais
Morte 8 de janeiro de 926
Títulos anteriores Bispo de Wells
Arcebispos
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Etelmo ou Athelm (ou Æthelhelm; morto em 8 de janeiro de 926) foi um clérigo inglês, primeiro Bispo de Wells, e mais tarde, Arcebispo da Cantuária. Sua translação, ou transferência de um bispado para outro, foi um precedente para transferências posteriores de eclesiásticos, porque antes disso, essas movimentações eram consideradas ilegais. Enquanto arcebispo, Etelmo coroou o novo rei e, talvez, coordenou o serviço de coroação para o evento. Um parente mais velho de Dunstano, mais tarde também arcebispo da Cantuária, Etelmo ajudou a promover o início da carreira de Dunstano. Após a morte de Etelmo, ele foi considerado um santo.

Juventude[editar | editar código-fonte]

Etelmo foi um monge da abadia de Glastonbury[1] antes de sua elevação em 909 para a sé de Wells, da qual foi o primeiro ocupante.[2] A sé foi fundada para dividir a diocese de Sherborne, que era muito grande, com a criação de um bispado para o condado de Somerset. Wells foi provavelmente escolhida como sede, porque era o centro do condado.[3] Alguns trabalhos acadêmicos sugerem que Etelmo pode ser a mesma pessoa que Etelelmo, filho do rei Etelredo de Wessex,[4] mas isso não é aceito pela maioria dos historiadores.[5] Algumas fontes afirmam que Etelmo foi abade de Glastonbury antes de se tornar bispo,[6] mas outras fontes discordam e não lhe dão este cargo.[1] Isto está mais ligado a relatos posteriores de cronistas medievais, do que a relatos contemporâneos. Seu irmão foi Heorstan, que foi proprietário de terras próximas a Glastonbury.[7]

Arcebispado[editar | editar código-fonte]

Entre agosto de 923 e setembro de 925 Etelmo se tornou arcebispo.[8] Sua transferência da sé de Wells criou um precedente para o futuro, e marca uma ruptura com a prática histórica. Anteriormente, a transferência de um bispo de uma sé para outra era considerada contrário ao direito canônico, ou eclesiástico. Recentemente, porém, os papas haviam sido transferidos, e esta prática se tornou comum na Inglaterra depois do tempo de Etelmo.[9] Ele era saxão ocidental, ao contrário de seu antecessor, Plegemundo, que era da Mércia, refletindo a mudança no poder para Wessex.[10] Etelmo era tio paterno de Dunstano,[1] que mais tarde se tornou arcebispo da Cantuária. Foi Etelmo que apresentou Dunstano à corte do rei.[11]

Etelmo presidiu a coroação do rei Etelstano em 4 de setembro de 925, e, provavelmente, compôs ou organizou a nova Ordo (ordem de serviço), na qual, pela primeira vez, o rei usava uma coroa em vez de um capacete. Atestou também a primeira concessão do rei para a abadia de Santo Agostinho na Cantuária.[10] Não está claro se a razão pela qual não foram cunhadas moedas com o nome dele foi devido ao seu curto mandato ou uma mudança na política de cunhagem de moedas que o impediram de cunhar moedas em seu próprio nome. Nada mais se sabe do pouco tempo de Etelmo como arcebispo.[9]

Morte e sepultamento[editar | editar código-fonte]

Etelmo morreu em 8 de janeiro de 926.[1][8] Mais tarde, foi considerado santo, com o dia de festa em 8 de janeiro.[12] Foi sepultado primeiramente na igreja de São João Batista, próximo ao período saxônico da Catedral da Cantuária. Quando a nova catedral foi construída sob a administração do arcebispo Lanfranco, depois da conquista normanda da Inglaterra, os restos mortais dos arcebispos anteriores da Cantuária foram transladados para o transepto norte da nova catedral. Mais tarde, Etelmo e seu sucessor, o arcebispo Vulfelmo (Wulfhelm), foram transladados para uma capela dedicada a São Bento, que mais tarde foi incorporada à capela de Nossa Senhora construída pelo prior Thomas Goldstone (morto em 1468).[13]

Notas

  1. a b c d Mason "Athelm (d. 926)" Oxford Dictionary of National Biography
  2. Fryde, et al. Handbook of British Chronology p. 222
  3. Robinson Saxon Bishops of Wells pág. 5
  4. Dolley "Important Group" British Museum Quarterly pág. 75
  5. Miller "Æthelred I (d. 871)" Oxford Dictionary of National Biography
  6. Delaney Dictionary of Saints pág. 65
  7. Robinson Saxon Bishops of Wells pág. 6
  8. a b Fryde, et al. Handbook of British Chronology p. 214. Nelson (p. 126) afirma que ele se tornou arcebispo em 923.
  9. a b Brooks Early History of the Church of Canterbury pp. 214–216
  10. a b Nelson "First Use" Myth, Rulership, Church and Charters pp. 124–126
  11. Stenton Anglo-Saxon England p. 446
  12. Catholic Online "St Athelm" Catholic Online
  13. Robinson Saxon Bishops of Wells pp. 58–59

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Títulos da Igreja Católica
Nova diocese Bispo de Wells
909–c. 923
Sucedido por:
Vulfelmo
Precedido por:
Plegemundo
Arcebispo da Cantuária
c. 923–926
Sucedido por:
Vulfelmo


This page is based on a Wikipedia article written by contributors (read/edit).
Text is available under the CC BY-SA 4.0 license; additional terms may apply.
Images, videos and audio are available under their respective licenses.

Destek